Pular para o conteúdo principal

Sofás e Caminhas - pesos de porta






Criatividade em 1o lugar aqui na Efeitos à Mão!

Novidade bacana são esses sofá (e tem uma caminha fofa no meio!) que servem como peso de porta! Podem também servir de centro de mesa para festinhas no tema como chá de casa nova, chá de panela e muito mais!

Um lindo mimo para dar de presente, além de ser mega útil!

Informações do Produto
Material: Feltro, tecido e acessórios
Tamanho: único
Feita sob encomenda

Consulte outros modelos/cores e encomende seus pesos de porta!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Estojo Dental - Homem Aranha

Para os fãs do Homem Aranha, um belo estojo dental - para conservar ainda mais sua escova de dentes e a pasta dental! Lembrancinha de festa garantida com sucesso!

Informações do Produto
Material: Feltro
Tamanho: +/- 20cm
Feita sob encomenda

Consulte outros tamanhos/personagens e encomende seu estojo!

Aplique - Símbolo da Mulher Maravilha

Aqui na Efeitos à Mão você é quem manda! Cliente pediu aplique do símbolo da Mulher Maravilha: Voilá!!

Informações do Produto
Material: Feltro
Tamanho: sob consulta
Feita sob encomenda

Consulte outros modelos/personagens e encomende seus apliques!

Empreendedorismo Materno - Opção x Necessidade

Já faz um tempinho que venho meditando a quantas anda a Efeitos à Mão como um todo e aonde quero chegar quando eu falo ou uso a #EmpreendedorismoMaterno ?!

A resposta é simples:
A Efeitos à Mão é uma Empresa de produtos artesanais personalizados materna! Afinal, por detrás do nome existe 1 mãe solo desde o primeiro mês de gravidez, com muito orgulho - a 'faz-de-um-tudo' aqui de casa e na Empresa também.

A questão é que não posso (nem devo) separar meu lado empreendedor do meu lado materno. Simplesmente não tenho como fazer isso. Alguns já conhecem minha história e a Efeitos à Mão só 'nasceu' através da maternidade. Minha filha tem a idade da Empresa. E vice-versa. Ainda barriguda comecei a costurar os primeiros enfeites de porta maternidade e saí vendendo por aí - mesmo ainda trabalhando de carteira assinada.

Quando Letícia nasceu não consegui voltar para a loja que eu trabalhava de caixa na época. Me assustava só de imaginar deixar aquela coisinha pequenina o dia int…